Flinpohttp://www.flinpo.netFlinpo: Fotografia em língua portuguesahttp://blogs.law.harvard.edu/tech/rssFlinpohttp://www.flinpo.net/Desafios/Themes/icone.pngFlinpohttp://www.flinpo.netComo surgiu a fotografia instantânea da Polaroid?http://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1080&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Como surgiu a fotografia instantânea da Polaroid?Em 1943 a Segunda Guerra Mundial estava a terminar, e o fundador da Polaroid Corp., Edwin Land, sabia que não poderia continuar a depender das vendas de polarizadores, usadas em óculos de sol e lentes de câmaras, vendidos essencialmente para os militares. Era necessário encontrar e desenvolver um novo produto, que permitisse conquistar as pessoas, nos anos pós-guerra. Na altura, um rolo de fotografias era algo que por vezes tinha que durar para todo período de férias - e pior que tudo, poderiam passar-se semanas até que finalmente se descobrisse que "aquela" foto que desejávamos, afinal tinha ficado tremida, ou com um dedo à frente da câmara.A ideia para a revolução partiu de uma criança, da filha de Edwin Land, que inocentemente perguntou-lhe porque motivo não podia ver as fotos imediatamente. Numa era em que a maioria dos adultos provavelmente acharia normal que demorasse todo o tempo que demorava, e que nem colocariam isso em causa. Mas Edwin Land lançou essa mesma pergunta e desafiou aos engenheiros da Polaroid a encontrarem uma solução. Foi graças a uma pergunta inocente de uma criança, que nasceu uma nova forma de fazer fotografia.2017-04-26 11:07:28www.flinpo.net|pst|1080|rssVencedores do desafio: Peixehttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1079&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Antes da sopa de peixepor Santa ClaraSolitário por Alfredo Medeiros«Lactoria Cornuta»por remusFinding Nemopor guerreirorFlowerhorn The Hybrid Cichlidspor F Santostry {FlinpoEE();} catch(e) {}Neste desafio participaram 30 fotografias e foram considerados no total 268 votos.2017-04-23 00:03:07www.flinpo.net|pst|1079|rssFotografia em Palavras: Letra Dhttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1078&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Este desafio foi algo simples, pensei em projetar uma letra D acima do papel.Primeiramente desenhei uma letra D com as bordas pintadas com lápis preto para efeito tridimensional. Esta letra D foi recortada e apoiada sobre o papel branco com o auxílio de uma bolinha de papel.Com o ângulo certo da câmara em relação à letra D, e em relação à iluminação, é possível chegar a esta concepção.Penso que a presença de parte do dedo a segurar o lápis por terminar de preencher a face da letra, também ajuda a "enganar" o cérebro.Acredito que a sombra por completo teria enriquecido a fotografia, mas não consegui encontrar um ângulo adequado para tanto.A TODOS os participantes e ao FLINPO, um gigantesco OBRIGADO.CamerandoDados Exif da imagem:Abertura: f/8Tempo de exposição: 1/40 seg.Distância focal: 23mmISO: 100Com tripéSem flash 2017-04-20 09:30:00www.flinpo.net|pst|1078|rssInspiração: Oliver Curtis em Volte-facehttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1077&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>O que vemos se virarmos costas à Mona Lisa, ao Cristo Redentor ou às Pirâmides de Gizé?Para responder a esta questão, Oliver Curtis criou o projecto «Volte-face». O projecto mostra o quadro na parede paralela ao da Mona Lisa, o muro de chapa do outro lado do Muro das Lamentações, os terrenos por lavrar junto às Pirâmides de Gizé e foi exactamente no Egipto que Oliver Curtis começou o projecto em 2012.Ao longo dos últimos anos, em todas as viagens que realiza, faz questão de retratar o outro lado dos monumentos famosos deste nosso mundo.Inspire-se.Palácio de Buckingham, Londres, Reino UnidoPirâmide do Sol, Teotihuacan, MéxicoPartenon, Atenas, GréciaCristo Redentor, Rio de Janeiro, BrasilSagrada Família, Barcelona, EspanhaPirâmide de Khufu, Gizé, EgiptoMona Lisa no Museu do Louvre, Paris, FrançaEstátua da Liberdade, Nova Iorque, Estados Unidos da AméricaTaj Mahal, Agra, ÍndiaStonehenge, Wiltshire, Reino UnidoMuro das Lamentações, Jerusalém, IsraelCasa Branca, Washington D.C., Estados Unidos da América2017-04-18 09:30:00www.flinpo.net|pst|1077|rssVencedor do desafio mensal: Simetriahttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1076&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>O Caminho de João CoutinhoAlcan&ccedil;ou 224 pontos de um total m&aacute;ximo de 432 pontos poss&iacute;veis.Veja a ordena&ccedil;&atilde;o classificativa das 23 fotografias participantes no desafio.2017-04-16 00:08:01www.flinpo.net|pst|1076|rssVencedores do desafio: Letra Dhttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1075&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>D3D (Somente Papel e Lápis)por camerando;Dpor remusPré-informáticapor joaotomeD de delicadopor Santa ClaraD de Diogopor kaipiroskatry {FlinpoEE();} catch(e) {}Neste desafio participaram 24 fotografias e foram considerados no total 288 votos.2017-04-16 00:03:06www.flinpo.net|pst|1075|rssInspiração: Alex Ten Napelhttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1074&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>O fotógrafo holandês Alex Ten Napel está a fotografar galinhas, galos e garnisés do norte de Portugal para divulgar a iniciativa «Há Festa n’Aldeia», um projecto que tem vindo a promover a cultura rural das Terras de Santa Maria.Conhecido sobretudo pela série de retratos de doentes de Alzheimer, o fotógrafo tem já também um currículo extenso na captura em luz de aves de capoeira, apresentando-as como pinturas neoclássicas em que o animal ganha uma pose já não longe de retratos de realeza.Alex Tem Napel montou um estúdio na aldeia de Ul, em Oliveira de Azeméis e diz que «a galinha perfeita é aquela que se mexe muito e que está curiosa acerca daquilo que a rodeia».O Há Festa na Aldeia é um projecto de desenvolvimento do território que visa recuperar a identidade e a memória de aldeias do norte de Portugal.Inspire-se.2017-04-13 09:30:00www.flinpo.net|pst|1074|rssFotografia em Palavras: No arhttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1073&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Este é um registo que praticamente fala por si.Queria "fugir do óbvio" e convidei minha digníssima esposa a atirar suas sapatilhas vermelhas para cima enquanto eu tentaria fotografar o par bem enquadrado em contraste com o céu azul.Quase desnecessário dizer que ela me olhou com estranheza. Argumentei que por sorte eu tinha desistido da ideia de jogar cadeiras, mesas, electrodomésticos, etc, por não haver nenhum da cor vermelha.Ora, por ser uma fotografia para o Flinpo ela já deveria estar acostumada que poderia surgir qualquer coisa absurda :)Agradeço à toda comunidade FLINPO, e parabéns a TODOS os participantes.CamerandoDados Exif da imagem:Abertura: f/4Tempo de exposição: 1/1000 seg.Distância focal: 48mmISO: 200Sem tripéSem flash2017-04-11 09:30:00www.flinpo.net|pst|1073|rssVencedores do desafio: No arhttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1072&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Sapatilhas ao Ar!por camerandoPrimeiro objectopor remusVelocidadepor NunoRochaem vôopor Marco C.o homem e as gaivotaspor Ligia Bentotry {FlinpoEE();} catch(e) {}Neste desafio participaram 39 fotografias e foram considerados no total 397 votos.2017-04-09 00:03:06www.flinpo.net|pst|1072|rssFlinpo Magazine #19http://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1071&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Antes demais, muito obrigado a todos os que participam no Flinpo. Esta revista é a nossa forma de agradecimento por participarem. Com ela, pretendemos dar divulgação das imagens vencedoras dos nossos desafios semanais e mensais. Nesta edição estão presentes os vencedores e escolhas dos editores dos desafios semanais #286 ao #300 e dos desafios mensais #13 ao #16.A fotografia da capa desta edição da revista foi realizada por Marco Guedes. Se calhar por este nome ninguém o reconhece, mas se dissemos que é o Camerando, então o caso já mudará de figura. É um participante muito activo, com uma taxa de participação de 100%, e que nos dá uma entrevista falando de si e da sua forma de ver a arte fotográfica.Nesta edição temos o privilégio de ter um artigo criado pelo José Adilson Rocha da Rosa. Um artigo sobre fotografia abstracta obtida a partir da técnica de imersão de líquidos em água. Poderá ser uma descrição longa e algo pomposa, mas depois de ler o artigo, tudo se tornará fácil e compreensível para experimentarem.Mais uma vez, a equipa do Flinpo agradece a toda a comunidade que está presente com a sua participação, votação e comentários, pois sem isso o Flinpo não existe. Só há Flinpo porque há pessoas no Flinpo. Esta revista é vossa e está aberta a participações de qualquer género ligado à fotografia, enviem-nos o vosso trabalho e ele poderá ser publicado nas próximas edições. Poderão consultar os termos Aqui.2017-04-04 15:55:00www.flinpo.net|pst|1071|rssFotografia em Palavras: Lens Flarehttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1070&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Numa tarde de Fevereiro fui até a praia de S. Jacinto (Distrito de Aveiro). Como seria de esperar o seu enorme areal estava vazio.Estava bastante vento e algum frio apesar do sol.Não via qualquer motivo para fotografar, até reparar nesta pequena planta seca. O que mais me cativou foi estar sozinha e a sombra que fazia.Deitei-me no chão para obter este ângulo e fiz várias experiências com vários Fs até conseguir algo que me agradava. Apesar da sombra ser o que me cativou, achei que o sol teria de fazer parte da foto.A opção a preto e branco acho que dá mais impacto, porque o céu azul eliminaria a ideia de resiliência da planta.Nuno RochaDados Exif da imagem:Abertura: f/22Tempo de exposição: 1/80 seg.Distância focal: 15mmISO: 100Sem tripéSem flash2017-04-03 09:44:11www.flinpo.net|pst|1070|rssVencedores do desafio: Lens Flarehttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1069&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Resilientepor NunoRochaLens Flare noturnopor Welerson AthaydesLight & Shadowpor Richie30Luz do solpor crisferreiraJerónimospor R.Araujotry {FlinpoEE();} catch(e) {}Neste desafio participaram 40 fotografias e foram considerados no total 338 votos.2017-04-02 00:03:09www.flinpo.net|pst|1069|rssFotografia em Palavras: Anacronismohttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1068&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Este registo ambientou-se em um restaurante onde os donos colecionam algumas antiguidades. Solicitei autorização para fotografar a bicicleta, mas precisaria levá-la num lugar onde não aparecesse nada que evidenciasse os dias atuais. Expliquei que era fotógrafo amador e seria um trabalho sem um fim financeiro. Prontamente fui atendido e apenas solicitado a não subir na bicicleta do início do século XX, pois não é nada fácil manobrá-la e eu poderia me ferir.Antes que eu pudesse tocar na bicicleta, um garçom do estabelecimento tomou a iniciativa para conduzi-la até onde eu pretendesse, obviamente temeroso por alguma besteira de minha parte. Logo na retirada do suporte ele a puxou com pouco jeito, dando uma forte pancada em outra bicicleta antiquíssima que foi ao chão. Tratei de proferir alto e em bom som "não fui eu!!!".Apesar do susto, não identificamos nenhum arranhão ou amassados em ambas as peças e continuei com o trabalho. Este mesmo garçom aceitou ser o modelo para a fotografia apresentada ao desafio.O sol estava bastante forte no momento, de forma a não conseguir enxergar o que estava sendo enquadrado (esta fotografia foi realizada com minha "pequena" que não possui ocular e está com o ecrã bastante desgastado). Regulei previamente a câmara de forma a achar que resultaria bem e me preocupei em apontar para o assunto.Por isso precisei acertar um pouco o enquadramento via software. A parte clara da fotografia saiu um pouco "estourada".Por tratar-se de um desafio incomum e sujeito a interpretações diversas, pesquisei um tanto sobre anacronismo, especialmente no ramo das artes. Descobri que na junção dos elementos de imagem, tal como na pintura, fotografia ou cinema, é importante que seja caracterizada a época em que o evento ocorre. Por isto tentei aplicar na fotografia uma tonalidade do início do século XX, evitando no enquadramento quaisquer objectos que remetessem aos dias de hoje, apenas o telemóvel.Meus agradecimentos e cumprimentos a toda comunidade Flinpo,CamerandoDados Exif da imagem:Abertura: f/4Tempo de exposição: 1/320 seg.Distância focal: 40mmISO: 100Sem tripéSem flash2017-03-31 09:46:11www.flinpo.net|pst|1068|rssInspiração: Fotógrafo Subaquático 2017http://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1067&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>O concurso fotográfico para o Underwater Photographer of the Year realiza-se anualmente, desde 1965, e coloca em competição fotografias captadas debaixo de água no mar, em lagos, rios e até mesmo em piscinas.O grande vencedor do título de Fotógrafo Subaquático do ano 2017 é o mergulhador francês Gabriel Barathieu. Venceu com a fotografia de um polvo, realizada numa laguna da pequena ilha de Mayotte, no Oceano Índico.Segundo as palavras do fotógrafo: «Tive de esperar por uma baixa-mar, quando a água tem só 30 centímetros de profundidade, para que o polvo enchesse toda a coluna de água». Nessa altura o polvo estava a caçar e foi retratado com uma objectiva grande angular, «o que faz com que o polvo pareça enorme».Mas existem outros vencedores, cada um nas restantes sete categorias, que apresentamos também a seguir. Inspire-se.Fotógrafo Subaquático 2017: Dancing OctopusGabriel BarathieuFrançaGrande Angular: One in a MillionRon WatkinsEstados Unidos da AméricaMacro: Prey?So Yat WaiHong KongNaufrágios: The wreck of the Louilla at sunsetCsaba TökölyiHungriaComportamento: Your home and my homeQing LinCanadáRetrato: Face to faceifj. Lorincz FerencHungriaCompacto: I’ve got my eye on you!Jenny StromvollMoçambiqueEm ascensão: Oceanic in the SkyHoracio MartinezArgentina2017-03-29 16:30:00www.flinpo.net|pst|1067|rssFotografia em Palavras: Construção em pedrahttp://www.flinpo.net/Desafios/post.php?id=1066&o=rss<b><i>Recomendamos que veja este post na nossa página.</i></b><br/><br/>Sempre que possível não deixo de visitar a nossa Serra da Estrela que, em qualquer época do ano emana uma beleza singular.Esta fotografia foi fruto de uma dessas minhas visitas à serra em Outubro de 2010.Esta construção pitoresca, situa-se nas Penhas Douradas a 1500 metros de altitude e trata-se de um antigo refugio de pastores onde se abrigavam nos longos Invernos passados na serra.Não restam dúvidas quanto o engenho do homem é espantosamente incrível na sua adaptação à natureza.Considero este abrigo fantástico enquanto arquitectura orgânica.Ana SimõesDados Exif da imagem:Abertura: f/9Tempo de exposição: 1/500 seg.Distância focal: 63mmISO: 100Sem tripéSem flash2017-03-27 09:50:04www.flinpo.net|pst|1066|rss